HomeGestão empresarial

Aprenda como reduzir custos na sua empresa em 5 passos

Aprenda como reduzir custos na sua empresa em 5 passos

Tempo de Leitura: 2 minutos

Existem diversas oportunidades de economizar recursos na gestão de uma empresa que resultam em ganhos significativos em longo prazo. É essencial que a equipe esteja envolvida para refletir sobre como reduzir custos.

Existem diversas práticas que podem ser adotadas de forma simples, como renegociar contratos de prestadores de serviços para obter planos a preços mais acessíveis. Para ajudar nessa iniciativa, criamos este artigo, no qual você vai saber:

  • Qual são as vantagens de buscar a redução.
  • Como reduzir custos no seu negócio.

Quais são as vantagens de buscar a redução?

Sob o ponto de vista dos resultados organizacionais, o controle dos gastos tem potencial para afetar diversas áreas da empresa, como o aumento da produtividade e a qualidade do atendimento aos clientes, pois os processos tornam-se cada vez mais eficientes.

Como reduzir custos no seu negócio?

O mercado está em constante mudança e o cenário econômico pode passar por períodos de crise, porém o gestor não pode perder de vista a composição de custos. Com isso, torna-se possível buscar formas de minimizar os gastos.

1. Analise a composição de custos

O objetivo dessa atividade é identificar onde os recursos financeiros estão sendo usados. Quando uma empresa busca tornar a sua operação mais econômica, é importante que esse esforço seja direcionado para áreas em que há maior concentração de gastos.

O resultado será uma lista com as principais categorias de custos e selecionar aqueles que têm elevada participação no lucro.

2. Crie metas de economia

Como a maioria dos projetos organizacionais, é importante estabelecer metas claras e mensuráveis para a redução dos gastos. No caso de um escritório, o principal custo pode ser a conta de energia elétrica. Iluminação, computadores e impressoras são equipamentos essenciais, contudo, existem medidas que podem reduzir o consumo:

  • substituir as lâmpadas;
  • desligar a luz ao desocupar uma sala;
  • desligar os equipamentos ao final do expediente.

Desse modo, a perda de recursos importantes é evitada e a equipe é motivada a aprimorar o seu desempenho.

3. Otimize os processos de trabalho

As tarefas operacionais representam uma boa oportunidade de economia, pois é possível evitar o desperdício de insumos. Entre as alternativas possíveis está o reaproveitamento de materiais e a renovação do equipamento para possibilitar o aumento da eficiência.

A forma como a equipe passa o seu tempo também está relacionada a gastos desnecessários, pois há uma perceptível queda na produtividade que precisa se corrigida.

4. Mantenha um fluxo de caixa rigoroso

Embora outras demonstrações contábeis forneçam informações mais completas, o fluxo de caixa tem um controle diário que possibilita maior controle. Esse é um documento que descreve todas as entradas de receitas bem como a saída de recursos para o pagamento de obrigações.

Esse é um diferencial que possibilita verificar, por exemplo, o índice de inadimplência dos clientes e criar estratégias de cobranças.

5. Acompanhe indicadores de desempenho

O acompanhamento de indicadores de desempenho é fundamental para a gestão de um negócio e para a otimização dos seus resultados. Desse modo, a equipe tem visibilidade sobre as atividades produtivas e financeiras por meio de relatórios e gráficos.

É importante considerar o investimento em tecnologias para a coleta e processamento de dados. Existem diversas ferramentas que permitem automatizar tarefas e desenvolver uma forma de como reduzir custos.

Já que estamos falando de finanças, aproveite para acessar o nosso blog post sobre como fazer uma gestão de capital de giro eficiente.

Maylan Moreno - Rede Cred Auto

Profissional de Marketing na Rede Cred Auto. Escrevo sobre consultas veiculares, de crédito e negativação de devedores. Dou dicas sobre otimização do financeiro de uma empresa, mercado de tecnologia e automotivo no geral.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0