HomeGestão empresarial

Gestão financeira: 4 dicas para sua empresa

Gestão financeira: 4 dicas para sua empresa

Tempo de Leitura: 2 minutos

Em qualquer empresa — independentemente de seu tempo de mercado, de seu porte ou de sua área de atuação —, as rotinas administrativas são essenciais para manter a saúde e a vitalidade do negócio. E, nesse cenário, com o objetivo de te ajudar a aprimorar sua gestão financeira, listamos as principais dicas para aplicá-la em seu negócio.

Qual é a importância da gestão financeira?

Entre os líderes, é comum encontrar quem defenda que a área financeira é o pulmão da empresa. Se considerarmos as demandas corporativas, a afirmação tem fundamento: afinal, apenas a partir da adequada gestão de recursos — sejam eles monetários, sejam eles humanos, por exemplo — é possível potencializar operações e permitir que o negócio tenha fôlego para conquistar e expandir mercados.

Em um cenário de alta competitividade, a importância da boa gestão financeira fica cada vez mais evidente. Na atualidade, não basta controlar as contas em aberto e conferir os pagamentos devidos. É preciso agir estrategicamente para aplicar investimentos mais eficientes, levantar análises aprofundadas e prever novas oportunidades.

E como é possível aprimorar as rotinas de gestão financeira, extraindo o máximo potencial da área para aumentar o desenvolvimento da empresa? É o que você vai saber a seguir.

Quais são as principais dicas de gestão financeira?

Agora que você já está convicto da importância de valorizar a gestão financeira da sua organização, chegou a hora de conhecer os principais aspectos que a viabilizam. Fique atento às dicas!

  1. Invista no planejamento estratégico

Para prosperar, a empresa precisa ter clareza na formalização de seus objetivos. Caso ainda não tenha definido metas ou traçado táticas pertinentes para alcançá-las, é hora de priorizar o planejamento estratégico!

Nesse momento, é fundamental que haja a definição do plano de ação e o levantamento de recursos (financeiros, físicos, humanos e de tempo), organizando demandas e disponibilidades com o objetivo de atingir o sucesso das estratégias escolhidas.

  1. Defina prioridades

Uma vez construído o planejamento estratégico, o gestor será capaz de enxergar, com transparência, qual é o panorama da empresa, detectando suas vulnerabilidades (para ajudar no que é necessário) e visualizando as oportunidades (preparando-se para aproveitá-las).

A partir disso, as prioridades de ação são esclarecidas — e uma postura focada, por parte da equipe envolvida, é essencial para garantir o sucesso global das estratégias. Nesse âmbito, o departamento financeiro tem papel determinante na saúde da execução.

  1. Faça análises amplas e consistentes

Lembre-se de que não basta construir estratégias e designar recursos, mobilizando o time financeiro para dispender investimentos. Tão essencial quanto motivar equipes, impulsionando-as ao alcance das metas, é acompanhar os resultados.

Para isso, a compilação de relatórios e análises financeiras, prevenindo inadimplências e garantindo o fluxo de caixa, é crucial na continuidade das estratégias e, claro, também no desenvolvimento global da empresa.

  1. Utilize tecnologia de gestão

Para simplificar e automatizar as rotinas dos negócios (inclusive as financeiras), a tecnologia é uma grande aliada. Para levantar dados, empregando-os na definição do planejamento estratégico, e para controlar resultados, extraindo relatórios e análises, vale investir em ferramentas tecnológicas de gestão.

Para efetivar a melhor escolha, certifique-se de analisar o fornecedor escolhido e assegure-se de aderir ao produto mais adequado para a sua organização.

Gostou do nosso conteúdo sobre dicas de gestão financeira e interessou-se pelo tema? Aproveite para curtir nossa página no Facebook, e ficar sempre por dentro das novidades sobre o assunto. Bons negócios!

Maylan Moreno - Rede Cred Auto

Profissional de Marketing na Rede Cred Auto. Escrevo sobre consultas veiculares, de crédito e negativação de devedores. Dou dicas sobre otimização do financeiro de uma empresa, mercado de tecnologia e automotivo no geral.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0