HomeInadimplência

Como se blindar das dívidas em tempos de juros altos

Como se blindar das dívidas em tempos de juros altos

Tempo de Leitura: 3 minutos

Segundo a Pesquisa de endividamento e inadimplência do consumidor 2023, 78,3% das famílias brasileiras encontram-se endividadas! Com os juros básicos em um patamar tão alto no Brasil, muitas pessoas se encontram em uma situação financeira difícil, com dívidas que parecem nunca diminuir. Afinal, quanto mais altos os juros, mais difícil se torna pagar as contas e sair do vermelho. Mas como se blindar das dívidas em tempos de juros altos?

Primeiro passo para se blindar de dívidas em tempos de juros altos

A primeira coisa a se fazer é analisar a sua situação financeira. É fundamental que você saiba exatamente quanto ganha e quanto gasta por mês. Anote todos os seus gastos, desde as despesas fixas até as variáveis, como lazer e alimentação. Assim, você conseguirá identificar onde está gastando mais dinheiro e poderá fazer cortes necessários.

Crie uma estratégia

Com um orçamento bem definido, você então poderá criar uma estratégia para pagar as suas dívidas. Priorize aquelas que possuem os juros mais altos, como cartões de crédito e cheque especial. Essas modalidades de crédito possuem taxas de juros exorbitantes e, quanto mais tempo você demorar para quitar a dívida, mais juros irão se acumular.

Negocie sempre!

Se você não tem condições de pagar a dívida integralmente, uma opção é negociar com o credor. Muitas vezes, é possível conseguir descontos ou parcelamentos com juros menores. Vale a pena entrar em contato com o banco ou a instituição financeira para verificar as opções disponíveis.

Evite novos empréstimos e atenção ao cartão de crédito!

Outra estratégia para se blindar das dívidas em tempos de juros altos é evitar novos empréstimos ou financiamentos. Se você já está endividado, não é recomendado contrair mais dívidas. Evite fazer compras parceladas e priorize o pagamento à vista. Além disso, mantenha o seu cartão de crédito com um limite baixo e use-o somente em casos de emergência.

Uma maneira de reduzir os juros que você paga é utilizar o seu dinheiro de forma inteligente. Se você tem um dinheiro guardado, pode utilizá-lo para quitar as dívidas com juros mais altos. Assim, você reduz a sua dívida e os juros que teria que pagar a longo prazo.

Uma opção interessante é o empréstimo com garantia. Nessa modalidade, você utiliza um bem como garantia, como um imóvel ou um carro, e consegue taxas de juros mais baixas. É uma opção interessante para quem precisa de dinheiro emprestado para quitar dívidas com juros altos, porém, é preciso ter cuidado para não perder o bem utilizado como garantia.

Disciplina e organização fazem a diferença!

Para se blindar das dívidas em tempos de juros altos, é importante ter disciplina financeira. Evite gastar mais do que ganha e priorize o pagamento das dívidas com juros mais altos.

Além disso, é importante buscar uma fonte de renda extra, seja por meio de um segundo emprego ou de um negócio próprio. Isso pode ajudar a aumentar a sua renda mensal e, consequentemente, facilitar o pagamento das dívidas.

Entenda a importância da reserva de emergência!

Outra estratégia importante é ter um fundo de emergência. Essa reserva financeira deve ser utilizada somente em casos de emergência, como perda de emprego ou doença. Ter um fundo de emergência também pode ajudar a evitar a contrair novas dívidas em momentos de crise financeira, ao passo que garante uma segurança maior.

É inegavelmente importante também ter uma mentalidade de consumo consciente. Evite compras por impulso e priorize produtos de qualidade e duráveis. Faça pesquisas de preço e compare antes de fazer uma compra. Além disso, evite se comparar com outras pessoas e o seu padrão de vida. Cada um tem a sua realidade financeira e é preciso respeitar os seus limites.

Por fim, é importante buscar ajuda profissional em casos de dívidas em excesso. Um planejamento financeiro pode ajudar a identificar os gastos desnecessários e a criar uma estratégia para quitar as dívidas. Além disso, um profissional pode ajudar a negociar com os credores e encontrar as melhores opções de investimentos.

Vale ressaltar que, em momentos de crise financeira, é normal se sentir desanimado e sem perspectivas. No entanto, é importante não desistir e continuar buscando soluções para sair das dívidas. Com paciência, perseverança e uma estratégia bem definida, é possível se livrar das dívidas e ter uma vida financeira mais saudável.

Maylan Moreno - Rede Cred Auto

Profissional de Marketing na Rede Cred Auto. Escrevo sobre consultas veiculares, de crédito e negativação de devedores. Dou dicas sobre otimização do financeiro de uma empresa, mercado de tecnologia e automotivo no geral.

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0